Além do nosso blog, você poderá encontrar o Sonora Aurora no grupo do LastFM e no Facebook.


Quinteto Urbano
Postado por Henrique Tonin em domingo, 3 de agosto de 2008.


Uma música ao mesmo tempo densa e singela; introspectiva, nostálgica e "viva" - de uma melancolia que não é lânguida nem obscura, mas afirmativa. Um pequeno paradoxo que redime os músicos da região Platina, mais lembrados por abandonarem a própria alma aos primeiros chamados de qualquer estilo alienígena, ou, ao contrário, reugiar-se em um regionalismo fanático.

Quinteto Urbano, grupo surgido em 1999 e dissolvido recentemente, tem uma proposta musical interessantíssima. Combinando o formato clássico do quinteto de jazz com elementos compositivos da música popular Argentina, o grupo conseguiu criar algo de sonoridade refinada e expressão muito particular.

Um dos grandes exemplos disso é Tarde Gris; uma milonga introduzida por baixo e piano.

A milonga em tom menor, lenta, repetitiva, introspectiva, é possivelmente a grande expressão do mundo platino, em que as dimensões históricas e psicológicas do homem se perdem na profusão de espaço e o individualismo assume caracteres mais propriamente universais; assim, alguns escritores que se pretendem sociólogos desembocam na poesia metafísica e os que se pretendem egotistas, na sociologia. Para o compositor e escritor Vitor Ramil, numa conferência intitulada L'esthétique du froid, esta música torna-se mais expressiva na medida em que é depurada, simplificada. Para o uruguaio Alfredo Zitarrosa (que a denominava "blues de Montevidéu"), caracteriza-se pela capacidade de fundir-se a outros gêneros sem dificuldade. O grupo em questão insere a milonga em uma obra feita à base de improvisação e interação desenvolvidas em profundidade, com uma complexidade harmônica inusual para o estilo.

Gerações de pianistas, arranjadores e acordeonistas tentaram fundir o jazz e o folclore do Prata em uma música que fosse integralmente sua (Àstor Piazzolla, Horacio Larumbe, Lito Vitale, Gerardo Gandini, Ernesto Jodos, Adrián Iaes, Daniel Piazzolla, etc.). Creio que esta seja uma das tentativas mais bem-sucedidas.

Download - Jazz Contemporaneo argentino I

01 Malon
02 La Busqueda
03 Rara
04 Dandy
05 Alla Lejos
06 Cuando Descansa
07 Hora Pico
08 Gotando
09 Trenes
10 La Fresca


Download - Jazz Contemporaneo II - En estúdio
Download - Jazz Contemporaneo II - En Vivo

1 El Compadre - Juan Cruz de Urquiza
2 Cueros urbanos - Juan Cruz de Urquiza
3 Tarde gris - Guillermo Delgado
4 Librito Costantini - Diego Schissi
5 Mi pequeño Ángel - Juan Cruz de Urquiza
6 Malevo desorbitado - Diego Schissi
7 La ausente - Diego Schissi
8 El vendedor de panchos - Rodrigo Domínguez
9 Sin despeinarse - Juan Cruz de Urquiza

Juan Cruz De Urquiza - Trompete
Rodrigo Dominguez - Saxes
Diego Schissi - Piano
Guillermo Delgado - Contrabaixo
Oscar Giunta - Bateria

Marcadores: ,